JS vs JS · Unicode · Escrever código fonte em português (com acentos)

Saturday 24 April 2021

Starts 14:00 PM

Finishes 17:40 PM


Organized by JavaScript vs JavaScript


Venue: Online/Virtual

Address: Online event on your device
8600 Lisboa

Go to this event

About this event

Unicode é uma tabela (com mais do que 1 milhão de linhas), que contém referëncias aos valores binários de quase todos os carateres de todas as linguagens naturais do mundo. P.ex. o caráter “ç” na palavra “transação” tem como referência Unicode o valor 231 (00E7 em hexadecimal).

https://developer.mozilla.org/en-US/docs/Glossary/Unicode

········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ·········

À primeira vista, aquando da criação de aplicações (web ou não web), recorrer a Unicode para escrever código fonte parece o óbvio a fazer, sobretudo para quem vive e desenvolve apps num país não anglófono, como Portugal. Estima-se que 1 em cada 5 palavras portuguesas tem um acento. Certas palavras excecionalmente têm 2, como é o caso de p.ex. a palavra “sótão”.

········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ·········

Não obstante, a maioria dos programadores portugueses escreve código fonte em ASCII, que é uma tabela com apenas 256 linhas, cujas origens remontam aos primeiros computadores do século passado. Assim, o programador português comum vai escrever “transacao” em vez de “transação”, quando a palavra aparece em código fonte.

Para piorar a situação, nas escolas superiores e universidades portuguesas, os professores ativamente promovem não utilizar Unicode, porque, proclamam, ‘sempre causa problemas’ (testemunha real de vários dos nossos alunos). Claramente uma atitude preguiçosa e inaceitável.

A notar que Unicode existe já desde 1991 e que p.ex. foi escolhido como tabela padrão da codificação de carateres na linguagem de programação Java, já em 1996. De facto, um quarto de um século mais tarde, não há motivo nenhum para não utilizar Unicode no código fonte das nossas apps.

Para quem ambiciona a divulgação do seu negócio a nível europeu, ou mesmo internacional, de facto não há outra escolha do que escrever código fonte em Unicode.

········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ·········

Felizmente, hoje, Unicode é a codificação predefinida da maioria dos clientes e servidores web, e também da maioria dos editores, p.ex. Visual Studio Code ou IntelliJ. Infelizmente, ainda existem editores com fraca suporte para Unicode, o que é o caso de p.ex. Visual Studio da Microsoft. Também Linux já adaptou Unicode como codificação padrão do sistema operativo.

É isso que codificator.io irá demonstrar durante este evento: como escrever código fonte em Unicode. Iremos ensinar como configurar um editor para codificar ficheiros do código fonte em Unicode, como configurar clientes (browsers) e servidores web e como trocar conteúdos HTML, CSS ou JavaScript e objetos JavaScript serializados em Unicode.

O código fonte criado ao vivo neste evento, será partilhado com os participantes na plataforma Github.


This page last updated Thursday 15 April 2021 at 13:20.

Problems? Report an error or inappropriate listing here.

Information displayed here is provided in good faith but we are not responsible for the content of any listing. Sometimes events can be cancelled or changed at short notice. Please check with the venue or organizer before you travel!