JS vs JS · Internacionalização · Apresentar conteúdo multilíngue no browser

Saturday 8 May 2021

Starts 14:00 PM

Finishes 18:00 PM


Organized by JavaScript vs JavaScript


Venue: Online/Virtual

Address: Online event on your device
8600 Lisboa

Go to this event

About this event

A maioria dos websites multilíngues recorrem a bibliotecas (ou “frameworks”) com tecnologia “template”, que permite traduzir conteúdos textuais em páginas web, antes do seu envio ao cliente. Um exemplo é “Express”, um de centenas de “frameworks” existentes, hoje considerado o mais popular no reino de JavaScript.

https://developer.mozilla.org/en-US/docs/Learn/Server-side/Express_Nodejs

········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ·········

À primeira vista, recorrer à Express parece a solução ideal para quem quer oferecer conteúdos multilinguais aos seu público.

········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ·········

Não obstante, todas as bibliotecas e “template frameworks”, que existem ou já existiram na história da programação, sofrem de graves defeitos. Um dos principais defeitos é a mistura de várias línguagens em ficheiros fontes, p.ex. misturar HTML em código fonte JavaScript e vice versa.

Na história da programação, a mistura de línguagens tem-se provado fonte de frustrações e PESADELOS DE MANUTENÇÃO de código fonte, e poucos frameworks têm a solução certa.

Uma outra desvantagem das “template tecnologies” é que seguem a moda. Autoproclamam-se sempre como a derradeira solução para todas as nossas necessidades. Mas a verdade é que nos últimos 20 anos muitas tecnologias já nasceram, e após poucos anos de mais ou menos sucesso, desaparecem para dar lugar a outras tecnologias ‘promessoras’. É um ciclo repetitivo e cansativo para quem ambiciona desenvolver apps sólidas e manuseáveis. P.ex. no mundo Java existem as tecnologias JSP e JSF, que hoje todos preferem evitar por serem antiquadas e ultrapassadas (por não falar em mal documentadas e “over-engineered”).

É muito provável que daqui uns anos já ninguém fala de Express.

Por isso, é preferível limitarmo-nós a TECNOLOGIAS PADRÃO na criação de websites internacionais para evitar pesadelos de manutenção.

········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ········· ·········

Felizmente, para websites multilíngues existem soluções muito limpas e simples, baseadas nas tecnologias padrão de HTML com CSS e JavaScript, evitando a necessidade da instalação de bibliotecas ou “frameworks” como Express e congéneres.

É isso que codificator irá demonstar neste evento: como com código fonte limpo, conciso e legível, cria-se websites multilíngues, que são “future proof”.

O código fonte criado ao vivo neste evento, será partilhado com os participantes na plataforma Github.


This page last updated Wednesday 28 April 2021 at 16:03.

Problems? Report an error or inappropriate listing here.

Information displayed here is provided in good faith but we are not responsible for the content of any listing. Sometimes events can be cancelled or changed at short notice. Please check with the venue or organizer before you travel!